SOMOS O QUE OUVIMOS

Underground & Indie

Felter, banda independente da capital de São Paulo

with one comment

por Martha Ferreira

A banda Felter, criada em 2005, surgiu graças a internet, como relata Cauê Abrão, 28 anos, baterista do grupo: O Rapha (guitarra e vocal) morava em Belo Horizonte e tinha uma banda meio sem perspectiva; eu morava em São Paulo e estava com uma banda prestes a acabar. Ele me mandou uns sons em fita demo dele pelo orkut, eu curti, começamos a conversar, ele fez a proposta de mudar para São Paulo e montarmos a banda. Ele veio, ensaiamos, o som entrosou de primeira e assim foi, desde então estamos juntos apesar de algumas mudanças de músicos”, afirma. Mesmo com pouco “tempo de estrada”, a banda é formada por membros já experientes no meio independente da música. Constituída por rapazes acima dos 25 anos, a banda mostra-se critica em relação a cobrança cada vez mais frequente de cotas na venda de ingressos, a banda realiza apresentações em casas de shows de São Paulo, onde tocam muitos grupos visando assim somente o lucro e não a qualidade do som produzido por eles. “Os shows são um aspecto complicado hoje em dia. Há um esquema meio bagunçado. Hoje ficou muito fácil ter instrumentos e um site na internet pra divulgar tua banda, então houve uma explosão nessa área. O problema é que a quantidade de lugares para tocar não acompanhou essa expansão, então alguns “espertos” começaram a monopolizar os lugares e “produzir” shows, cobrando cotas de ingressos absurdas de bandas em shows com dezenas de outros grupos no mesmo dia, visando diretamente o lucro. Então, para arrumar shows não tem jeito, tem que conhecer quem organiza. A qualidade no som ajuda bastante, mas infelizmente muitas vezes não é o um fator determinante”, questiona. A inspiração do grupo é o cotidiano, a vida, quando questionados sobre qual o objetivo da música para eles, Cauê deixa o recado para as bandas iniciantes sobre a verdadeira razão de diversas grupos independentes existirem. “A música não é caminho para nada, ou pelo menos não deve ser encarada como tal. Ninguém se relaciona com a música visando um objetivo, um caminho para algo maior, por mais que a intensidade do sentimento para com a música varie de pessoa para pessoa e/ou ao longo do tempo, todo mundo envolvido com música tem nela alguma paixão sincera. Dito isso, a banda existe primaria e principalmente pelo gosto que temos em compor, criar e tocar. Se isso não fosse verdade a banda não teria 5 anos de ralação pura, sem praticamente nada em retorno a não ser realização pessoal e coletiva”, finaliza.

Para saber mais informações sobre a banda Felter acesse:

http://www.felter.com.br
http://www.myspace.com/bandafelter

A mais nova canção composta e gravada por Raphael Mancini:

Anúncios

Written by Talita Lima

12/10/2010 às 8:37 PM

Publicado em Entrevista, Independente

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Gosto muito da Banda Felter toca musicas com letras e poucas bandas tem essa ideia, o Felter tem grandes nomes Caue e Raphael ja sao os que batem de cara, sem falar no Felipe e o Roberto ,em si a banda é show. Entao desejar muito sucesso pela trajetoria é digno de nota. Ademais o Sucesso é inerente por tais requisitos.

    Sem mais,
    Muito sucesso, ta?
    cya”

    Victor Miranda

    14/10/2010 at 12:08 PM


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: